Lima & Santana Propaganda
[contact-form-7 404 "Not Found"]

Ela virou “rosto” de campanhas globais — sem saber e nem receber por isso

Sul-africana que estampa de anúncio do McDonald’s na Ásia à campanha de imigração no Canadá alerta sobre “estupidez” que a fez perder controle de sua imagem access_time 23 ago 2018,

1535156436_ela-virou-rosto-de-campanhas-globais-sem-saber-e-nem-receber-por-isso.jpg

Ela virou “rosto” de campanhas globais — sem saber e nem receber por isso

Sul-africana que estampa de anúncio do McDonald’s na Ásia à campanha de imigração no Canadá alerta sobre “estupidez” que a fez perder controle de sua imagem

Publicidade em Santos -
access_time

23 ago 2018, 18h15 – Publicado em 22 ago 2018, 12h08

São Paulo – A artista e escritora sul-africana Shubnum Khan não é modelo, nem nunca participou de sessões de fotos para campanhas de marketing, mas seu rosto já apareceu em dezenas de anúncios comerciais por todo o mundo, de propagandas do McDonald’s na Ásia à promoções de site de namoro na França e de turismo no Camboja. Com um porém: ela não sabia e nem recebia nenhum pagamento por isso.

Tudo por uma falta de atenção. Durante a faculdade, a jovem participou de uma sessão de fotos e inadvertidamente assinou um documento em troca de impressões gratuitas das imagens. Sabe aquela história de que o “diabo vive no detalhes”? Pois Khan não se deu ao trabalho de ler o texto em letras pequenas, que garantia a cessão dos direitos de sua imagem ao fotógrafo, e, assim, suas fotos acabaram em um banco de imagens para uso comercial. 

Recentemente, a jovem resolveu contar sua história no Twitter e alertar outras pessoas sobre a importância de ler cuidadosamente documentos e principalmente as letras pequenas antes de assiná-los.

Ela descobriu seu “talento secreto” há seis anos, quando uma amiga canadense a procurou surpresa para contar que viu sua foto em um campanha de imigração em um jornal local.

Khan conta que ficou “chocada e confusa”, sem entender como sua imagem foi parar em uma campanha do outro lado do mundo.

Foi aí que um amigo a lembrou da sessão de fotos que fizeram nos tempos de universidade. “Estávamos muito empolgados…Não lemos as letras pequenas. Agora eu sei. Eu fui estúpida”, desabafa na rede.

Ela então contatou o fotógrafo em questão e ele confirmou que três imagens (de cara “séria”, “sorrindo” e “louca”) integram um banco de imagens de uso comercial e que, sim, o rosto de Khan poderia aparecer em campanhas por aí. Intrigada, a jovem resolveu fazer uma busca no Google e, bem…

…descobriu que também vende tratamentos dentários e cremes para melhorar a aparência de olhos cansados…

Deputado Federal da Baixada - …e se surpreendeu em ver seu rosto numa campanha do McDonald’s na China.

Deputado Federal da Baixada - Ela também aparece num site de relacionamento francês e em outra ação pró-imigração, dessa vez no Uruguai.

Agência de Publicidade em Santos - Já posou de consumidora (“Dina M.”) satisfeita com o resultado do tratamento de melasma…

Pintura Empresarial em Santos - …e até virou capa de revista:

Papa Saneamento - Embora Khan reconheça o lado humorístico de seu portfólio secreto, ela também chama atenção para pontos preocupantes.

Estágio em agência de publicidade de Santos - Eu também posso assumir novas identidades. Os mais chocantes são anúncios de cuidadores de crianças, então [se não sou eu] quem está realmente com as crianças? Quando perguntei ao fotógrafo sobre isso, ele diz que eu assinei os direitos de ‘distorção de caráter incluindo nomes falsos’”, conta espantada no Twitter. 

Estágio em agência de propaganda de Santos - “Assim, além do fato de que todos nós nunca fomos pagos por QUALQUER uma dessas propagandas, há também a desonesta publicidade de promover esses produtos”, acrescenta, destacando o quão facilmente as pessoas podem ser exploradas nos tempos de hoje e o quão enganador podem ser alguns anúncios.  

Fonte: https://exame.abril.com.br/marketing/ela-virou-rosto-de-campanhas-globais-sem-saber-e-nem-receber-por-isso/

Compartilhe:

Nenhum Comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>